Armazenamento na nuvem: quais as vantagens para sua empresa?

Fornecedores de serviços e armazenamento na nuvem oferecem soluções de TI valiosas para empresas de todos os tamanhos. Originalmente pensado para uso pessoal, com o surgimento de Big Data, o armazenamento em nuvem para negócios está seguindo os passos de muitas tecnologias pessoais adaptadas para fins comerciais.

Muitas empresas podem se beneficiar de serviços abrangentes da nuvem — aplicativos hospedados, infraestrutura como serviço, software as a service (SaaS) e mais — e a transição geralmente começa com as necessidades de armazenamento de dados.

Se o seu armazenamento atual de dados no local parece suficiente ou você simplesmente não teve tempo para considerar o armazenamento em nuvem, revisar essas vantagens é uma ideia para seu negócio. Continue a leitura!

Armazenamento na nuvem x armazenamento tradicional

Ao contrário dos dispositivos de armazenamento tradicionais, como discos rígidos ou CDs, nos quais as informações são armazenadas em um formato físico, todos os dados da nuvem são armazenados em servidores. Além disso, você pode acessar tudo o que está na nuvem a partir de qualquer computador com conexão à internet.

A primeira grande diferença entre o armazenamento em nuvem e o armazenamento tradicional é a acessibilidade. Enquanto os discos rígidos oferecem acesso local à informação, o armazenamento em nuvem oferece acesso ilimitado ao volume de dados, se os usuários fornecerem as senhas necessárias e se o computador tiver acesso à internet.

Trabalhar com um serviço de armazenamento em nuvem tem muitas vantagens. Provavelmente, a vantagem mais óbvia que se destaca é que você não precisará desordenar seu disco rígido com informações inúteis. Além disso, os serviços de armazenamento na nuvem geralmente empregam funções avançadas de compressão de informações, o que significa maior capacidade de indexação.

Isso, por sua vez, se traduz em velocidades de pesquisa mais rápidas. No entanto, o uso de um serviço de armazenamento na nuvem não é desvantagem. Sendo uma entidade de hospedagem, migrar para a nuvem depende muito da velocidade de conexão à Internet.

Então, o que é armazenamento em nuvem?

A tecnologia de armazenamento em nuvem permite que todos tenham acesso à informação disponível lá, não importa onde eles estejam. Além disso, a nuvem tem recursos que permitem uma gestão efetiva dessa informação, permitindo assim um controle de versão mais confiável do que no armazenamento físico das informações. E também permite uma maior disponibilidade dessa informação, desde que exista uma conexão com a internet e uma permissão para acessá-los.

Dois pontos muito importantes no uso dessa tecnologia são a redução do custo de manutenção da infraestrutura de TI das empresas, bem como o aumento da segurança devido à descentralização dos dados. Dessa forma, os dados são imunes a problemas localizados, tais como incêndios, inundações e outros desastres que podem ocorrer.

Assim, o armazenamento em nuvem é uma maneira simples e escalável de armazenar, acessar e compartilhar dados pela Internet. O armazenamento físico abrange vários servidores (muitas vezes locais), geralmente é de propriedade e é gerenciado pelo provedor de serviços. Os usuários pagam o armazenamento que eles consomem a uma taxa mensal.

A inovação do armazenamento em nuvem veio tornar os desenvolvedores de negócios e de software do dia a dia muito mais seguros e fáceis. É uma tecnologia diferenciada e aguardada por todos os que tiveram algum problema com o armazenamento inadequado de informações.

A ideia de os aplicativos, os arquivos e os dados não precisarem mais serem instalados ou armazenados diretamente no computador do usuário possibilita a segurança no armazenamento de informações. Além da integridade e da disponibilidade de informações.

Como funciona o armazenamento na nuvem?

Um fornecedor oferece às organizações e aos indivíduos a capacidade de colocar e manter dados em um sistema de armazenamento fora do local. Os clientes podem alugar capacidade de armazenamento em nuvem por mês ou sob demanda.

Um fornecedor de armazenamento em nuvem hospeda os dados de um cliente em seu próprio data center, fornecendo infraestrutura de computação, rede e armazenamento baseada em taxas. Os clientes individuais e corporativos podem obter capacidade de armazenamento ilimitada nos servidores de um provedor com um preço baixo por gigabyte.

Em vez de armazenar dados em dispositivos de armazenamento locais, como uma unidade de disco rígido, os clientes escolhem um provedor de armazenamento em nuvem para hospedar dados em um sistema em um data center remoto. Os usuários podem então acessar esses arquivos usando uma conexão à internet.

As empresas compram componentes computacionais de software, de armazenamento e relacionados aos serviços de nuvem com uma licença de pagamento. Por exemplo, os clientes podem optar por alugar infraestrutura, plataforma, segurança, software e armazenamento como um serviço.

Quais são os tipos de armazenamento na nuvem?

Existem três tipos de nuvem: nuvens públicas (public cloud), nuvens privadas (private cloud) e nuvens híbridas (hybrid cloud). Dependendo do tipo de dados que você está trabalhando, é importante comparar nuvens públicas, privadas e híbridas em termos dos diferentes níveis de segurança e gerenciamento necessários. Confira!

Nuvem pública (public cloud)

A nuvem pública é o complexo de compartilhamento da internet. Um provedor possui e opera os servidores, lida com a segurança e pode trabalhar para atender aos padrões de dados para conformidade específica. Em seguida, aluga o espaço em seus servidores, cobrando de acordo com espaço em disco, largura de banda e preocupações especiais.

O armazenamento em nuvem pública é, quase sempre, muito mais barato do que o armazenamento no local — especialmente quando você leva em consideração a manutenção e as atualizações periódicas de hardware. Além disso, a maioria desses serviços de armazenamento em nuvem pode acompanhar aumentos na demanda.

Há, porém, algumas limitações e a nuvem pública pode não ser o melhor para cada organização. Por exemplo, você está compartilhando o espaço do servidor com outras empresas, o que pode levar a alguns problemas. Embora tenha sido projetado para fornecer um local seguro e isolado para cada empresa, mesmo os planos ilimitados geralmente têm alguns limites. Se você tiver uma demanda repentina de atividade, você pode achar sua conta limitada ou ter cobranças adicionais. Também pode haver um tempo de atraso maior à medida que os programas e usuários contatam a nuvem para obter dados.

Essa opção de armazenamento é particularmente favorecida para pequenas empresas que têm atividade estável e não têm muita informação proprietária que requer segurança extra.

Nuvem privada (private cloud)

O armazenamento privado em nuvem funciona de forma semelhante ao armazenamento em nuvem pública. Toda a informação é enviada e acessada pela internet. A principal diferença é que o servidor que hospeda a informação está localizado nas instalações. Isso permite que você mantenha um melhor controle sobre sua segurança e seu acesso enquanto ainda pode acessar informações de qualquer lugar. Como no armazenamento em nuvem pública, você pode hospedar vários inquilinos, mas eles podem ser departamentos específicos em uma empresa e não várias empresas.

Se você comprar e executar a solução da nuvem você mesmo, ainda terá os problemas de manutenção e as atualizações de hardware. No entanto, existem muitas companhias que oferecem a possibilidade de hospedar a sua nuvem privada para a sua empresa. Elas mantêm um servidor dedicado exclusivamente à sua companhia.

Caso você precise aumentar a escala, pode ser mais barato do que se você tivesse que comprar seu próprio hardware. Provavelmente seria mais rápido, pois simplesmente entraria em contato com a empresa em vez de obter aprovação para comprar equipamentos.

À medida que a tecnologia e os serviços de armazenamento em nuvem pública melhoram, os servidores de nuvem privada estão em declínio de popularidade. No entanto, as empresas, especialmente no nível de multinacionais, ainda usam servidores privados por causa da segurança extra e da capacidade de resposta que eles fornecem.

Finalmente, existem algumas situações em que uma solução pública de armazenamento em nuvem simplesmente não funcionará porque o negócio não é facilmente vinculado à internet — plataformas de petróleo ou submarinos, por exemplo.

Nuvem híbrida (hybrid cloud)

Como o próprio nome indica, a nuvem híbrida emprega uma nuvem privada e pública para hospedar seus dados. Está se tornando a escolha mais popular para empresas de todos os tamanhos, especialmente em empresas de nível multinacional. É considerado redundante ter dados em nuvens privadas e públicas, mas é mais seguro para preservação de dados durante uma interrupção.

Uma vantagem para o método híbrido é a flexibilidade que você obtém. Enquanto alguns serviços em nuvem oferecem opções híbridas, muitas vezes, as empresas usam uma ou mais soluções baseadas na nuvem para atender às suas necessidades individuais.

Ao usar uma abordagem híbrida, as empresas podem manter o controle de uma nuvem privada gerenciada internamente enquanto dependem da nuvem pública conforme necessário. Por exemplo, durante os períodos de pico, as aplicações individuais ou partes de aplicativos podem ser migradas para nuvem pública. Isso também será benéfico durante interrupções previsíveis como manutenções agendadas.

A capacidade de manter um site de recuperação de desastres fora da premissa para a maioria das organizações é impossível devido ao custo. Embora existam soluções e alternativas de baixo custo, quanto menor o alcance de uma organização, a capacidade de recuperar dados rapidamente se reduz.

Quais são os usos do armazenamento na nuvem?

Os provedores de armazenamento em nuvem tem muitos recursos para oferecer aos clientes com uma plataforma confiável e eficaz para o armazenamento de dados. Abaixo estão algumas das características importantes.

Sincronização automática

Se um usuário fizer alterações em um arquivo na nuvem, esse recurso atualizará as mudanças em todos os dispositivos em tempo real. Alguns serviços com funcionalidades de sincronização não são automáticos.

Isso pode causar alguns problemas sérios se o usuário esquecer de sincronizar os arquivos manualmente. Assim, uma característica de sincronização automática supera esse problema.

Acesso remoto

O armazenamento em nuvem permite aos usuários acessar e editar arquivos na nuvem a partir de qualquer computador, smartphone, tablet ou qualquer outro dispositivo por meio da internet. O tempo e o esforço necessários para transferir e copiar arquivos para esses diferentes dispositivos são eliminados.

Segurança do arquivo

Essa é uma das características mais importantes no armazenamento em nuvem. Os provedores de serviços criptografam arquivos durante a transferência e ao armazenar. Isso garante que os dados do usuário não sejam passíveis de serem interceptados e usados ​​por terceiros. Alguns dos serviços também permitem aos usuários escolher a sua chave de criptografia e fornecer a facilidade para proteger os arquivos com senhas.

Compartilhamento de arquivos

O recurso de compartilhamento de arquivos dá a possibilidade de vários usuários acessarem arquivos na nuvem de onde quer que estejam. Isso torna os dados de transferência de uma pessoa para outra extremamente fáceis, o que é especialmente útil para transferir arquivos grandes para vários usuários.

Escala de armazenamento

A quantidade de armazenamento atribuída a cada usuário pode ser conforme o pedido. Os limites podem ser ampliados ou reduzidos conforme a demanda. Isso é excelente para startups que começam com apenas um pequeno requisito de memória, mas crescem rapidamente e precisam de muito mais armazenamento.

Quais são as vantagens do armazenamento na nuvem para empresas?

Caso você migre para a nuvem, há alguns benefícios imediatos que a sua empresa pode experimentar. Você pode reduzir os custos operacionais, aumentar a eficácia da TI e economizar tempo gasto no rastreamento e na atualização do software na nuvem.

Uma das maiores vantagens de hospedar seu aplicativo na nuvem é que ele permite que seus funcionários passem mais tempo em tarefas críticas que podem agregar valor à sua empresa. Os funcionários, nesse caso, não precisam perder seu tempo em tarefas operacionais que são cotidianas, demoradas e não agregam nenhum valor ao negócio.

Os provedores de serviços da nuvem também garantem que os recursos físicos sejam mais bem utilizados, e há menos consumo de energia. Confira, abaixo, algumas vantagens de destaque do armazenamento em nuvem. Continue a leitura!

Custo reduzido

Com a nuvem, sua empresa pode aumentar a produtividade e a eficiência — dois fatores diretamente relacionados ao custo e à produção. Como a quantidade de pessoas e os recursos que você precisa para operar de forma eficiente, o seu custo por unidade cai. Isso permite que você obtenha economias de escala muito mais rápidas.

Além disso, uma taxa para armazenamento ilimitado na nuvem é mais barata do que comprar e manter muito espaço de armazenamento no disco rígido. As pessoas ainda compram discos rígidos para vários níveis de armazenamento em seus escritórios. Mas qualquer dispositivo físico que você usa pode falhar por motivos diferentes.

Os serviços de armazenamento em nuvem oferecem ofertas acessíveis para seus usuários. Por exemplo, o principal serviço da nuvem Dropbox permite usar 2 GB de armazenamento gratuitamente. É suficiente para sincronizar seus arquivos de smartphone e manter pelo menos documentos de texto. Se suas demandas exigem mais espaço, existem diferentes opções para comprá-lo que podem otimizar seu negócio.

Possibilidade de trabalhar com os dados de qualquer lugar

A nuvem é um instrumento perfeito para a troca imediata de dados. A opção de dar acesso a várias pessoas torna esse serviço uma ferramenta perfeita para trabalhos distantes e internos. As pessoas precisam transferir informações todos os dias. Por exemplo, se você trabalha com funcionários em home office ou vendedores externos, eles podem enviar arquivos para sua análise mais rápido do que via e-mail.

Você pode sincronizar qualquer pasta com seu armazenamento em nuvem e dar acesso apenas a pessoas selecionadas. Mesmo se você estiver ausente do seu trabalho, você pode entrar no seu armazenamento via smartphone e resolver o seu negócio online. Essa oportunidade de cooperação apaga o fosso entre as pessoas, para que todos possam entregar produtos de seu trabalho mais rápido do que antes.

Segurança dos dados

O monitoramento contínuo de vulnerabilidades de segurança e configuração é crucial. Uma violação de segurança ou perda de dados pode ser perigosa e prejudicial para a integridade do seu negócio. Com a nuvem, você é capaz de mitigar riscos ao armazenar informações valiosas, dados e aplicativos fora do site.

O armazenamento em nuvem monitora continuamente o seu armazenamento, com base nos testes que você escolheu ou criou e na frequência que deseja que eles executem. Se um problema for encontrado, ele alerta quem você designa e mantém um registro da descoberta, juntamente a descrições detalhadas do problema e sua provável resolução.

Escalabilidade e flexibilidade

Você pode escalar infinitamente para atender a demanda do cliente (ou a falta dela), e não precisa atualizar seus servidores ou bancos de dados constantemente. Isso significa que há custos iniciais mais baixos e você pode operar em uma infraestrutura mais enxuta.

A escalabilidade sob demanda, ou elasticidade, permite que as organizações economizem custos ao pagar o uso, e não a capacidade máxima necessária.

Você pode ter atualizações de recursos e segurança para o aplicativo em toda sua base de usuários, sem que eles tenham que baixar ou instalar nada, ou pedir aos seus administradores. Se algo der errado, você também pode reverter essas mudanças rapidamente.

Backup

É altamente recomendável que as empresas tenham um plano de emergência de backup pronto no caso de uma emergência. Simplificando, o trabalho que é salvo na nuvem não é mais vulnerável a problemas técnicos com o equipamento dos funcionários.

Se o computador de um funcionário quebrar, ou o disco rígido for danificado, o trabalho pode ser perdido sem esperança de recuperação. No entanto, quando são guardados na nuvem, ainda podem ser acessados ​​por meio de outros dispositivos.

Assim, o armazenamento em nuvem pode ser usado como um plano de backup por empresas fornecendo uma segunda cópia de arquivos importantes. Esses arquivos são armazenados em um local remoto e podem ser acessados ​​pela conexão à internet.

Tempo de inatividade zero

O armazenamento em nuvem utiliza vários servidores, hardware e recursos usados ​​para armazenar e gerenciar seus dados. Assim, a falha de um ponto não afeta a continuidade do negócio, já que o resto dos outros recursos são capazes de distribuir a carga de trabalho. Portanto, seus dados estão sempre disponíveis com o armazenamento em nuvem.

Confiabilidade e taxas de adoção mais altas

Os fornecedores de nuvem oferecem acordos de nível de serviço (service level agreement — SLAs), geralmente incluindo disponibilidade, desempenho, segurança, privacidade, acesso a dados, portabilidade de dados e qualquer processo de mediação de controvérsias.

A barreira à entrada para usuários é baixa. Eles já estão familiarizados com aplicativos baseados na web, e você pode oferecer inscrições de um clique. Ser baseado na web significa que você pode oferecer seu produto a qualquer pessoa com conexão à internet.

Por último e, o mais importante, a nuvem oferece a vantagem de uma implantação rápida. Depois de optar por esse método de funcionamento, todo o seu sistema pode ser totalmente funcional em questão de alguns minutos. Claro, a quantidade de tempo aqui dependerá do tipo exato de tecnologia que você precisa para o seu negócio.

Ausência de manutenção

Muitas empresas, independentemente do tamanho, preferem armazenar dados dentro de servidores internos e centros de dados. Embora essa abordagem não seja uma opção ruim como tal, ela, no entanto, vem com despesas gerais adicionais.

Os servidores exigem manutenção constante, o que significa que a empresa deve empregar uma grande equipe de TI para gerenciá-los, o que é uma proposta dispendiosa. Graças ao armazenamento em nuvem, as empresas podem economizar muito dinheiro na manutenção, já que seus servidores agora estão sob controle de fornecedores externos.

Em vez disso, eles podem concentrar recursos nos principais aspectos de seus negócios, sem se preocupar com uma equipe de TI ou com seus orçamentos maciços.

Aumento de produtividade

Quando outra pessoa assume a responsabilidade sobre o armazenamento, você pode se concentrar no que é mais importante para você — seu negócio. Alguém responsável pela gestão de um site de comércio eletrônico deve estar mais preocupado em encontrar clientes, fabricar e entregar um produto e fornecer atendimento ao cliente pós-venda.

O que vocês não deveriam desperdiçar o seu tempo é em alocar memória nos servidores de aplicativos da web, em preocupar-se com regras de firewall e detecção de intrusão, em escolher a melhor rede de distribuição de conteúdo, em fazer backups regulares e em elaborar um plano de recuperação. Pense na posse de um carro. Muitas pessoas não sabem como mantê-lo e repará-lo, mas todos que desejam saber como dirigi-lo. É assim que deve ser com aplicativos, especialmente nos negócios.

Quer saber mais sobre hospedagem de sites e armazenamento na nuvem? Assine nossa newsletter e fique por dentro das novidades!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *